Guias passo a passo
Encontre todos os procedimentos completamente explicados!
Para que se sinta sempre apoiado, mesmo quando não está em contacto connosco.
Área de Cliente
Configurações - Empresa
A importância de definir um CAE por documento

Com a entrada em vigor dos benefícios fiscais dados aos contribuintes que peçam e validem as faturas no portal eFatura, a classificação dos documentos que emite passou a ter um papel vital para que os seus clientes as possam validar e enquadrar corretamente na sua área de negócio.

Essa classificação é feita documento a documento, e para isso, cada um deles deve ter associado um código CAE (Classificação das Atividades Económicas), que pertence à sua empresa. Para saber como escolher um CAE na emissão de um documento, consulte esta FAQ.

Cada empresa tem que ter pelo menos 1 código CAE, mas pode ter mais do que 1, caso venda ou preste serviços em áreas distintas. Para saber como definir CAE's para a sua empresa, consulte esta FAQ.

O Moloni facilita o processo de classificação de todos os seus documentos de venda e transporte comunicáveis à Autoridade Tributária através do ficheiro SAFT.

Para isso, e dependendo do plano escolhido, permite-lhe criar pelo menos um código CAE nas configurações da sua empresa e depois associar um código CAE por defeito em cada série, para poder aplicar códigos CAE nos documentos emitidos com bastante facilidade.

Se tiver apenas um código CAE o mesmo é aplicado automaticamente a todos os documentos (Listados abaixo), e se tiver mais do que um código, ao trocar de série e se ela tiver algum código associado, o mesmo muda automaticamente. Pode, no entanto, escolher um CAE diferente do que o que está associado à série por defeito.

Documentos elegíveis
Os documentos onde é possível efetuar essa configuração são os seguintes:

  • Venda
    • Fatura
    • Fatura Simplificada
    • Fatura/Recibo
    • Nota de Crédito
    • Nota de Débito
  • Transporte
    • Guia de Remessa
    • Guia de Transporte
    • Guia de Consignação
    • Guia de Movimentação de Ativos Próprios
    • Nota de Devolução de Cliente

Como são comunicados os CAE's
Os códigos são comunicados à AT através do ficheiro SAFT que submete no eFatura todos os meses.
Cada um dos documentos leva o código associado e apenas neste tipo de envio a informação é inserida no eFatura.
Neste momento ainda não é suportado por parte do eFatura a comunicação do CAE através dos WebServices em tempo real.
Por isso, e se for vital para a sua empresa comunicar os códigos, deverá optar pela comunicação através do ficheiro SAFT. 

É obrigatório comunicar o CAE?
Não, é uma informação opcional.
No entanto facilita bastante o processo de classificação dos documentos aos seus clientes e evita que a AT não aceite os seus documentos em determinadas Áreas de Negócio que estão corretas.

Procure na documentação
Pesquisar
Ajuda complementar
Assuntos relacionados com "Área de Cliente"
Outros temas de ajuda
A nossa documentação está organizada por categorias e sub-categorias (Temas),
sendo atualizada com frequência para que possa estar a par de novidades, dicas e truques.
Registe-se e experimente grátis durante 30 dias!
Experimentar
Login/Entrar
Subscreva a Newsletter
Subscrever

© 2019 Moloni
Software de facturação online
Certificado pela Autoridade Tributária Nº1455

O Moloni utiliza cookies para lhe garantir a melhor experiência enquanto utilizador. Ao continuar a navegar no site, concorda com a utilização destes cookies. Entendi e aceito